quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Algumas poesias...alguns amores perdidos.....



Eu sou.....( 1979)
Eu sou o palhaço das lágrimas a ele sorrir 
Eu sou a multidão do medo de viver
Eu sou uma pessoa que teve que mentir 
Para não confessar a verdade
Eu sou a vida da vinda da tristeza
Eu sou o povo da fealdade
Que que ser bela
Eu sou a bondade 
Quando se quer a maldade
Eu sou tudo 
Mas eu não sou ninguém
Que sofre feliz
Mais  uma apaixonada
Que diz que tem um amor infeliz
Não pergunte quem sou eu 
Nem eu mesma saberei responder
Me perdoe porque assim que eu sou.....



autora: Isabel van Gurp








........................................................................


Partida sem adeus

Quando você partiu 

Não disse até logo
Ou um adeus
Nem um simples até amanhã
Com um sorriso de esperança
Que não dizia nem sim e nem tão pouco não 
Você simplesmente foi....
Seu sorriso
Sua voz 

Seu andar 
A lembrança
Seu jeito de menino
Seu jeito de me amar 
Tudo ficou  guardado dentro de mim
Meu coração inquieto

Não querendo acreditar
Que sua ida não haveria volta 
Espero você
Eu escuto seu andar lento
Nas escadas

Da minha casa
Sinto sua presença atrás da porta
Seu cheiro pelos ares
Olho pela janela
Vejo seu sorriso
Com a mesma alegria nos olhos
Corro para ti

Esperando receber seu abraço caliente
Sem explicação 
Mil beijos ardentes
Sua presença é tão forte no meu sonho
Que eu sinto seu toque
Sua voz soa no eco da minha imaginação
Eu ouço eu te amo
No meu pensamento
Murmúrio  seu nome
Digo também te amo
Fecho os olhos 
Como queria sentir seu calor 
Na minha pele
Que ficou fria sem a sua presença
Como eu queria matar esta saudade
Esquecer esses dias lentos sem seu toque
Me envolver neste sonho que você esta voltando para mim.....
Que esses dias sem a sua presença nunca existiram
Arrastando esse pesadelo para bem longe 
Para bem longe de mim

(Esta poesia eu fiz para minha grande amiga Cláudia e o Wagner no dia 17 de Março de 1982 )

autora: Isabel van Gurp

Imaginem

São nuvens que formam com as  lagrimas No céu -Dizem que é morada dos anjos E o que dizem... Que os anjos bons Voam pra la Imag...